A Copa na praia

Overmundo

Pois é, planejamos tanto subir para Nova Friburgo e ainda estamos de plantão aqui no Rio e, possivelmente durante toda a competição. A vantagem é que o policiamento ostensivo é tanto que está uma tranquilidade sair para fotografar por aí. E como os dias do inverno carioca são agradáveis e a cidade é fotogênica, vamos ficando.

Ontem fiz minha corrida diária na Avenida Atlântica pela manhã. Uma multidão de turistas, com camisas de vários países, perambulando para cá e para lá. Outra multidão de jornalistas, com câmeras e crachás, buscando o melhor ângulo da praia e turistas, é claro, para entrevistar. Multidões de guardas municipais, policiais militares e até mesmo federais, cuidando do policiamento.

Aliás, onde será que foram parar os mendigos e menores que moram nas areias?

Entre os turistas, os argentinos se destacam, com ou sem as camisas azuis e brancas de sua seleção. Falam alto, brincam, são simpáticos. Em frente a Constante Ramos, para uma van com as portas abertas e cerca de uns cem hermanos lá dentro. O alvo, um grupo de chilenos que, sem se intimidar, grita a todos os pulmões: – Chi, Chi, Chi, Le, Le, Le, CHILEEEEEEEEE! E a festa segue.

Cruzei com australianos, belgas, holandeses (assediadíssimos por brasileiros, vá lá saber a razão), mexicanos, franceses e italianos. E estou falando apenas dos grupos uniformizados. Um grupo de ingleses, com a camisa da seleção brasileira, fazia uma espécie de festa da cerveja em um quiosque. E ainda eram nove horas da manhã. Santa bebedeira, Sir Winston Churchill!

A prefeitura desta vez não vacilou e tapou todos os buracos da Atlântica. As pedrinhas portuguesas, pelo menos até o mês que vem, não vão provocar vexame. A limpeza também chama atenção. Não vi ninguém jogando uma guimba sequer no chão. Os bancos foram lavados e, desta vez, sinalizações tamanho gigante mostram os caminhos para o Maracanã. E em inglês.

Um dos hotéis da orla, arrendado por uma marca de cerveja americana, fez uma decoração digna de Las Vegas, incluindo um mega telão e iluminação vermelha em toda a fachada. Mau gosto perde, mas dizem que a boca livre – para os convidados – vale o “sacrifício”. De qualquer maneira, como turista que se preza adora uma novidade, já tem fila para fotografar a “decoração”.

E já que mencionei a palavra fila, quando cheguei na altura do FIFA Fan Fest, ali na altura do Copacabana Palace, dei de cara com outra multidão – taí a foto que não deixa mentir – aguardando a vez de entrar e o Batalhão de Choque da PM se preparando, ou melhor, se paramentando para manter a ordem. Só estranhei o uso das armaduras ninjas. Seriam mesmo necessárias? Até onde sei, um pequeno grupo de manifestantes passou pelo local, depois do jogo do Brasil, sem maiores consequências.

Mas como gato escaldado de água fria tem medo…

oOo

Inadmissível mesmo foi a truculência da polícia paulista que resultou no ferimento de duas jornalistas da CNN, um fotógrafo da Reuters, um jornalista argentino da Associated Press, uma equipe da televisão francesa e um assistente de câmera do SBT. Em suma, mostraram para o mundo que batem, prendem e arrebentam, como gostava de trombetear um patético presidente general da ditadura. Um papelão! Até quando essa gente vai jogar bombas e atirar balas de borrachas em quem está trabalhando? Continuamos uns trogloditas, não é mesmo?

6 comentários em “A Copa na praia

  1. Fico contente em saber que por aí as coisas estão bem. A cidade e sua população merecem e claro, os turisdtas também. Quanto a São Paulo, devo confessar que está cada dia mais sinistro as coisas por aqui. A violência desses policiais realmente tem ultrapassado qualquer bom senso. Lamentável!
    Abraço!

    Curtido por 1 pessoa

    1. A polícia carioca também é de uma violência exemplar, digamos assim, Roseli. A diferença é que eles ainda não tiveram a oportunidade de “mostrar suas qualidades” nessa Copa do Mundo. A que ponto chegamos…

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s