Parabéns, meu Rio!

Sou carioca. Só não sou da gema porque meu pai era paulista e minha mãe matogrossense. Nasci aqui, em Copacabana, na Arnaldo de Moraes. Morei 25 anos no Posto 6. Brincava nas areias da praia ou nas amendoeiras da colônia de pescadores, perto do Forte. Ou pelas ruas de um bairro já lotado de gente.

Andei de bonde. De bicicleta. Até de patins! No carnaval, o destino era o baile infantil da Miguel Lemos. Não perdia as matinês do cine Metro, na Avenida Copacabana. Ou de qualquer um dos nove (ou seriam dez?) cinemas do bairro. Estudei em escolas públicas, uma no Posto Cinco e outra no Posto Três.

Aprendi a nadar no mar, com um instrutor da Marinha. Saia com meu pai para conhecer a cidade: íamos até o ponto final de uma linha de bonde, ônibus ou trem para explorar as redondezas. Aprendi que o Rio é uma cidade com muitas formas, caras, cores e sabores.

Vi as enchentes provocadas pelas chuvas de verão. O recrudescimento da violência urbana. A eleição de um presidente com jeito de maluco e a crise política provocada pela sua renúncia. Em um primeiro de abril, assisti os tanques do exército tomarem conta das ruas. Sobrevivi à repressão brutal da ditadura.

Em compensação foi aqui no Rio que conheci e me apaixonei até hoje por minha mulher, uma cuiabana. Minhas filhas são cariocas, mas também não são da gema. Não tem importância. Carioca que é carioca não está nem aí. O privilégio de nascer e viver numa cidade que tem tanta História para contar, tanta beleza para mostrar e tanta alegria para contagiar, já basta. Com todas as suas mazelas, o Rio ainda é uma Cidade Maravilhosa.

Parabéns, meu Rio! Feliz aniversário.

8 comentários em “Parabéns, meu Rio!

  1. Carlos como és amigo deixarei ser da “Gema” também, mas saiba que para ser legítimo da Gema, rsss, tem que ser como eu nascido em Laranjeiras na Maternidade Escola ao lado do Palácio Guanabara, segundo dizem.
    Assim como você amo esta Cidade e me entristeço com o descaso que fazem com ela deixando-a a cada dia mais carente de tudo.
    Até nossos símbolos como o Bonde de Santa Tereza e me disseram que o Bar Luiz havia fechado, depois verifiquei que não afinal são 125 anos de existência. 😉
    Parabéns a todos nós Cariocas!
    Parabéns a Cidade de São Sebastião!
    Parabéns ao Rio de Janeiro!

    Curtido por 2 pessoas

    1. Como o mês é do aniversário de nossa cidade, ainda cabe o parabéns! E muito bem lembrado, Valéria, precisamos resgatar ou não permitir que nosso bom humor (e descontração) vire ranhetice. Acho que é a única maneira de encarar nossas mazelas. Obrigado.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s