Ondas

© carlos emerson junior

I

Uma tarde atípica, sem dúvida. O vento sudoeste, muito frio, espantou turistas, namorados e corredores. O mar batido dava medo e nem o pessoal do surf deu as caras. Sentado em um banco tomado pela areia, virou de costas para o calçadão e limitou-se a esperar o fim do dia. Sem querer lembrou-se dos versos do Manoel Bandeira, aquele que diz “nas ondas da praia, nas ondas do mar, quero ser feliz, quero me afogar”. Sorriu levemente com o canto da boca e chegou a desejar que uma onda bem grande, rápida e sem deixar qualquer vestígio, o levasse embora dali.

II

1963. Uma onda se formou lá pelos lados das Ilhas Cagarras, passou por cima dos canhões do Forte de Copacabana e explodiu com força na Avenida Atlântica, ainda com uma só pista. Pela manhã fui ver o estrago. Tinha areia até na Avenida Copacabana. A Biblioteca Thomas Jefferson, perto do Copacabana Palace agonizava, invadida pelas águas. Foi o mais perto que já vi de um maremoto. Mas, naquela época, não tinha como saber isso.

III

© carlos emerson junior
Praia de Copacabana, Posto 5. Uma manhã cinza. Ventava. Passei por baixo da primeira onda, muito grande. Quando emergi para respirar, um outra, maior ainda, desabou na minha cabeça. Fui empurrado até o fundo. A correnteza, que me puxava para o mar, desta vez se inverteu. Subi o mais rápido possível, respirei e deixei o corpo seguir. Ainda levei mais duas caixotadas, mas o mar acabou me jogando na areia. Estava tossindo a água que engolira quando um rapaz veio correndo saber se estava tudo bem. Tirando meu orgulho, estava sim.

IV

O pequeno veleiro cortava a Baia da Guanabara, perto da Praia do Flamengo, quando o instrutor avisou, onda à frente. Virei a proa em sua direção, subimos e descemos, prontos para encarar a próxima. Mas não veio nenhuma outra. O mar voltou a ficar liso e o vento manso. Acho que aquela onda foi só uma brincadeira. Do tipo, acorda aí, marujo!

V

Que pena… Nunca mais velejei.

Um comentário em “Ondas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s