Lugar nenhum

Os dados abaixo, levantados pelo jornalista Luiz Ruffato para o seu certeiro artigo “Um país apático, rumo a lugar nenhum”, publicado na edição eletrônica do jornal espanhol El País mostram, de forma resumida, é claro, como anda (?) o nosso país na área social. Vamos lá: “O Brasil figura entre os 10 países mais desiguais … Continuar lendo Lugar nenhum

Onça-parda

“Acordou inquieto, no meio da noite. Seria sede ou um maldito inseto?” Por algum motivo não conseguia dormir direito. Inquieto, virava de um lado para o outro da cama e o sono ia e vinha intermitente, como se alguma coisa angustiante estivesse acontecendo. Sentou-se, olhou com inveja a mulher roncando suavemente e resolveu ir ao … Continuar lendo Onça-parda

A guerra é aqui

“É triste ficar acuado na própria cidade. O Rio está paralisando hoje, com estudantes indo embora de suas universidades, profissionais liberais cancelando compromissos, trabalhadores impedidos de deixar suas casas nas áreas de tiroteios. Não queremos sucumbir ao pânico. Não podemos. Mas, num dia como este, afloram todas as neuroses que temos sentido com a escalada … Continuar lendo A guerra é aqui

Cartas

Você ainda recebe alguma carta? Não, não estou falando das inevitáveis contas das concessionárias de serviços como luz, gás ou telefone. Ou as propagandas e convites para assinar a revista A, o jornal B e o canal de tevê C. Muito menos intimações judiciais, advertências do condomínio ou boletos de todos os valores. Refiro-me àquelas … Continuar lendo Cartas